Testes A/B: qual importância fazer e como aplicar?

  1. Home
  2. Blog
  3. Testes A/B: qual importância fazer e como aplicar?
testes a/b

Quando falamos de diferenciais no Marketing Digital, uma das grandes vantagens é a possibilidade de medir o resultado de cada ação da sua estratégia. Mas afinal, como podemos fazer isso? Da maneira mais fácil e eficiente: fazendo testes A/B!

Com essa medição, podemos saber o que funciona, para repetir futuramente, e o que não funciona, para encontrar pontos de melhoria. Realizar testes A/B é o processo de comparar controle e variáveis de duas versões de uma página da internet e testá-las. Por exemplo, fazer um teste para saber qual tem a melhor taxa de conversão.

Os testes A/B são ferramentas excelentes porque fornecem um feedback real de mercado, mensurado com precisão e com base em dados. Como as diferentes versões são distribuídas aleatoriamente em um mesmo espaço de tempo, não há o risco de fatores externos influenciarem a taxa de conversão.

Agora que você já sabe o que são testes A/B e qual a importância deles para uma real visão de mercado, chegou a hora de saber como aplicá-lo. De maneira geral, os itens que mais costumam alterar os resultados de conversão de uma página são:

  • Headline (título em destaque) da página;
  • Call-to-Action (botões para conversão);
  • Imagens ou vídeos;
  • Descrição da oferta;
  • Tamanho e campos do formulário;
  • Indicadores de confiabilidade (testemunhos, certificados etc.)


Cada elemento influencia o comportamento das pessoas de uma forma diferente, dependendo muito das preferências do seu público. Então avalie o custo benefícios de testar esses e outros elementos no seu site, blog, landing page, email marketing e outros.

Ferramentas para realização de testes A/B:

Para realização de testes A/B, algumas ferramentas tornam-se necessárias no processo. Principalmente para ter um maior controle dos resultados e realizar otimizações.

As principais e mais conhecidas ferramentas do mercado, sendo algumas unicamente focadas em testes A/B e multivariáveis, e outras mais simples que, dentre outras funcionalidades, possibilitam a realização desse tipo de teste, são:

– Google Optimize;
Optimizely;
– VWO;
– RD Station;
AdEspresso;
– Ab Tasty;
– Adobe Target.

Caso você já possua um pouco de experiência com testes em Landing Pages, pode realizar testes a/b em outros fatores como:

– Títulos;
– Intertítulos;
– CTAs;
– Imagens;
– Organização dos elementos;
– URL;
– Campos de um formulário.

Já no caso de testes A/B em e-mail, a melhor maneira de aumentar seu engajamento é testar diferentes formatos de e-mail. Por exemplo, você pode testar se seus contatos engajam mais com e-mails que contém um tópico só, como promoções, ou com newsletters, que agregam várias informações em um e-mail.

Outros testes no e-mail que podem gerar resultados são imagens, diferentes CTAs, horário do envio e o assunto.

A implementação dos testes A/B varia dependendo da ferramenta que você decida utilizar. Algumas ferramentas separam a amostragem ao meio.

Ou seja, no caso de e-mails, 50% da amostragem receberá uma variação e 50% receberá a outra. Já com landing pages e CTAs, metade dos visitantes do seu site verão uma versão da página ou CTA, e metade verão a outra.

Dessa maneira,  chegando ao fim do período de teste você será capaz de identificar quais das variáveis deu mais resultados, e repetir no futuro.

Hoje em dia, as ferramentas de teste A/B já estão muito desenvolvidas. Algumas possuem um componente dinâmico, no qual a própria ferramenta determina qual variação é mais bem-sucedida de acordo com uma métrica de sucesso escolhida. Assim, a ferramenta implementa automaticamente a variação que gerou mais resultados.

Este tipo de teste A/B é feito com mais frequência em landing pages, pois assim que a ferramenta determina que as páginas participantes do teste A/B já receberam tráfego suficiente para o teste ter significância estatística, determina o vencedor e a partir daí 100% do tráfego verá esta página otimizada.

Desta maneira, você otimiza suas landing pages da maneira mais rápida possível, sem correr o risco de ter visitas em uma página que você sabe que não é eficiente.

Como você pode ver, testes A/B são uma ótima maneira de otimizar as taxas de conversão das suas landing pages, e-mails e CTAs. Além disso, por meio de testes você e sua empresa vão aprender muito sobre suas personas, e como elas se comportam na internet.

Você ainda tem alguma dúvida sobre fazer testes A/B? Sinta-se à vontade para colocá-las nos comentários!

Tags:
Anterior
Como fazer a qualificação de visitantes e transforma-los em oportunidades de vendas?
Próxima
Como é feita a qualificação do lead com a pré-venda?
Menu