Apostar em lojas virtuais é uma saída para driblas a crise no comércio

  1. Home
  2. Loja Virtual
  3. Apostar em lojas virtuais é uma saída para driblas a crise no comércio

Mudando para o e-commerce

O atual momento complicado da economia brasileira tem feito muitas lojas físicas migrarem apenas para o mundo virtual. É na internet que os empresários buscam uma alternativa para driblar a crise e voltar a alavancar as vendas que, no primeiro semestre, foi ruim para o comércio de modo geral. Exceto para o eletrônico.

O número de lojas virtuais aumentou cerca de 40% no primeiro semestre. Mas não adianta fazer um site com fotos e preços dos produtos. É muito importante fazer com que os sites funcionem tanto no computador, tablet e até mesmo no celular. Tudo isso para facilitar a navegação do cliente e, com isso, aumentar as vendas. O desafio delas agora é fazer com que as páginas funcionem bem nas telas menores, dos celulares e tablets. Isso porque aproximadamente 40% dos acessos a essas lojas virtuais são feitos por dispositivos móveis.

Além disso, deve-se criar uma forma de ter uma boa relação com o cliente, através de chats e canais de comunicação para tirar dúvidas relacionadas ao produto, formas de pagamento, etc.

No primeiro semestre, 55 mil novas lojas virtuais nasceram nessa plataforma, 42% mais que no mesmo período do que em 2014.

Apesar do maior acesso a essas lojas ser feito através de celulares e tablets, apenas 10% das vendas são feitas por eles. Esse é um desafio para quem quer ter um bom poder de vendas no mundo virtual. Uma dica é investir em sites que rodam bem em telas menores.

Só nos primeiros quatro meses de 2015, o setor de e-commerce faturou R$ 12 bilhões.
É para se pensar, não?

Tags:
Anterior
Conheça 20 maneiras de utilizar o marketing digital em sua empresa
Próxima
Datas comemorativas podem alavancar as vendas por e-commerce no 2º semestre
Menu